O Portal de Revistas Científicas da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo tem como objetivo reunir, organizar e unificar a publicação eletrônica das coleções de periódicos institucionais em um mesmo ambiente virtual, utilizando o sistema OJS (Open Journal System). Visando ampliar a visibilidade dos periódicos institucionais, garantir o acesso ao texto completo e otimizar os serviços de gestão e publicação eletrônica, tem como principal finalidade disponibilizar o conhecimento técnico-científico produzido no âmbito da SES-SP. Integram este Portal inicialmente, as principais revistas institucionais: Bepa – Boletim Epidemiológico Paulista, Boletim do Instituto de Saúde, Cadernos de História da Ciência, Hansenologia Internationallis e Revista do Instituto Adolfo Lutz.

Revistas

  • BEPA. Boletim Epidemiológico Paulista

    O BEPA. Boletim Epidemiológico Paulista, criado em 2004, é uma publicação da Coordenadoria de Controle de Doenças (CCD), órgão da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo (SES-SP). Com periodicidade anual de fluxo contínuo, tem principal interesse em produções técnico-científicas nas áreas de planejamento e execução das ações de promoção à saúde, prevenção e  controle de quaisquer riscos, agravos e doenças, no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS). A publicação tem o objetivo de estabelecer canal de comunicação entre as diversas áreas técnicas e instâncias do SUS, disseminando informações, promovendo atualização e aprimoramento dos profissionais e instituições, além de incentivar a produção de trabalhos técnico-científicos pelas redes de saúde pública e privada.

  • Boletim do Instituto de Saúde - BIS

    BIS. Boletim do Instituto de Saúde tem por missão promover o debate na área da saúde com base na informação qualificada, contribuindo para a tomada de decisões na formulação de políticas públicas, a partir de uma ampla discussão de conceitos e tendências do campo da Saúde Coletiva, com vistas ao aprimoramento do Sistema Único de Saúde (SUS). 
  • Boletim do Instituto Adolfo Lutz - BIAL

    O Boletim do Instituto Adolfo Lutz (BIAL), cujo objetivo é divulgar informações de interesse em Saúde Pública, originárias de atividades desenvolvidas no próprio Instituto, com ênfase à apresentação gráfica e tabular de dados originários a partir dos registros nos diversos laboratórios existentes, de pesquisa e de prestação de serviços à comunidade, foi regulamentado através da Portaria nº 16, de 18 de outubro de 1988. Desde então, esse veículo de divulgação técnico-científica tem sido aperfeiçoado com o propósito de alcançar maior visibilidade. Assim, destaca-se a atribuição em 2008 do ISSN impresso (1984-235X) e on-line (1984-2368).

     

  • Revista do Instituto Adolfo Lutz - RIAL

    A Revista do Instituto Adolfo Lutz (RIAL) é uma publicação anual de fluxo contínuo, on line, de acesso aberto e arbitrada por peer-reviewed. É editada pelo Instituto Adolfo Lutz  desde de 1941 em língua portuguesa. São aceitos também para publicação artigos em inglês e espanhol. O objetivo da RIAL é de difundir resultados de investigações científicas relacionadas às ações de promoção à saúde, prevenção e controle de agravos e doenças de interesse em saúde pública nas áreas de vigilância epidemiológica e sanitária.

  • Cadernos de História da Ciência

    A revista Cadernos de História da Ciência (CHC) é um periódico de acesso aberto e fluxo contínuo. Editada desde 2005 pelo Instituto Butantan, órgão da Secretaria de Saúde do Governo do Estado de São Paulo, tem como escopo a publicação de temas relacionados às áreas de conhecimento da história da ciência e da saúde pública. Publica artigos originais e de atualização, acadêmicos, ensaios didáticos, resenhas, depoimentos, divulgação de acervos e coleções.
    A revista está classificada atualmente no Nível B4 no Sistema Qualis-Capes.

  • Hansenologia Internationalis: hanseníase e outras doenças infecciosas

    A Revista  Hansenologia Internationalis: hanseníase e outras doenças infecciosas  é um veículo oficial de divulgação científica, multidisciplinar e de acesso aberto do Instituto Lauro de Souza Lima, pertencente à Coordenadoria de Serviços de Saúde da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo. Tem por objetivo divulgar a publicação científica no campo da hanseníase e de outras doenças infecciosas com manifestações dermatológicas, incluindo, epidemiologia e controle, clínica médica e terapêutica, prevenção de incapacidades e reabilitação, história, direitos humanos, ciências sociais e educação em saúde, biologia molecular e genética, imunologia e microbiologia, gestão, inovação tecnológica em saúde, dermatopatologia e neurodiagnóstico da hanseníase.