Suscetibilidade de cebus bersuta elliot ao virus da poradenite inguinal
PDF

Como Citar

1.
Gomes L dem S, Jordão FBM. Suscetibilidade de cebus bersuta elliot ao virus da poradenite inguinal. Rev Inst Adolfo Lutz [Internet]. 9º de fevereiro de 1942 [citado 21º de junho de 2024];2(1):3-17. Disponível em: https://periodicos.saude.sp.gov.br/RIAL/article/view/33079

Resumo

Depois de reverem, ligeiramente, vários gêneros e espécies de macacos sensíveis ao vírus da poradenite inguinal (Moléstia de Nicolas-Favre), fazem os autores uma série de experiências e pesquisas no sentido de demonstrar a suscetibilidade ao referido vírus, de uma espécie símia comum nas zonas norte e ocidental do Estado de São Paulo: Cebus versuta Elliot. Dois macacos desta espécie (♀ e ♂), inoculados intracerebralmente com vírus poradênico de passagem em camundongo, apresentaram tipos de infecção diversos: 1°. - Cebus versuta ♀. Febre e perda de peso foram os únicos sintomas de infecção. A febre durou cerca de 25 dias, após QS quais o macaco sarou. Este tipo infeccioso poderia talvez ser classificado como crônico-febril. No 9.° dia da moléstia (temp, 40°C.) foi sangrado na veia sendo demonstrada a presença de vírus circulante, por meio de inoculação deste sangue em cérebro de camundongos. O vírus do sangue manteve-se ativo durante 3 passagens, degenerando depois; 2.°-- Cebus versuta . Apresentou um tipo infeccioso agudo, acompanhado de paralisias de grande perda de peso e de morte no 9.° dia. No sangue deste exemplar foi demonstrada, também a presença de vírus circulante, até 3.a passagem em camundongo, O cérebro mostrou-se virulento para camundongos...

https://doi.org/10.53393/rial.1942.2.33079
PDF

Referências

1. - BELLARD e URIBE- 1925, Apud Findlay (Trans. R. Soc. Trop. Med. Hyg. 27 (35) June 1933).

2. - HELLERSTROM, S. e WASSEN, E. - 1930, 7.° Congr. Int. Derm. Syph. Copenhage, Agosto.

3. - LEVADITI e OOLAB. - 1932, Ann. Inst. Pasteur, 48 (27).

4. - FINDLAY, G. M. 1932, The Lancet, 2 (11). 1933, Trans. of the Royal Soc. of Trop. Med. and Hyg., 27 (35) June.

5. - CAMINOPETROS, PHYLACTOS e PHOTAKIS - 1932, C. R. Soc. Biol., CX ( 445).

6. - LEVADITI, MOLLARET e REINIÉ- 1935, Bull. Ac. Med., 113 (439).

7. - MIYAGAWA, Y. e CoLAB. - 1935, Jap. Journ. of Exp. Med., 13 (1).

8. - ELLWT - 1910, Ann. Mag. Nat. Hist., V (77) 8th Fev.

9. - PINTO, OLIVERIO - 1941, "Papeis avulsos" do Dep. Zool. Secr. Agric. S. Paulo, 1 art. 15 (111) Março.

10. - S. GOMES, LUIS DE- 1940, Brasil Médico, Ano LIV, nº 47 (777) Nov. 1940, Rev. da Ass. Paulista de Med., XVII, nº 4 (33) Outubro.

11. - LEVADITI, RAVAUT, LÉPINE e SCHOEN- 1931, C. R. Soc. Biol., 107 (959).

12. - LEVADITI e REINIÉ - 1933, C. R. Soc. Biol., 118 (123).

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 1942 Luis dem Sales Gomes, F Barros Magaldi Jordão

Downloads

Não há dados estatísticos.