Comparação da resposta inflamatória nas lesões musculares causadas pelos venenos das serpentes Bothrops jararacussu e Crotalus durissus terrificus

  • Maria Beatriz Bernardez Amorim Coordenadoria de Controle de Doenças
  • Luís Roberto de Camargo Gonçalves Coordenadoria de Controle de Doenças
Palavras-chave: Bothrops jararacussu, Crotalus durissus terrificus, inflamação

Resumo

No Brasil ocorrem anualmente cerca de 30.000 acidentes ofídicos,sendo os gêneros Bothrops e Crotalus responsáveis por 90% e 8%desses acidentes, respectivamente. Os envenenamentos botrópicoscaracterizam-se por intensas reações inflamatórias locais, podendoevoluir para grandes perdas teciduais, com sequelas debilitantes. Já oenvenenamento crotálico, caracteriza-se por sintomas neurotóxicos,além de distúrbios hemostáticos e resposta inflamatória localpraticamente inexistente. Os dois venenos são altamente miotóxicos.O presente trabalho visou caracterizar a resposta inflamatória nalesão muscular causada pelos venenos de Bothrops jararacussu e deCrotalus durissus terrificus. Nossos resultados mostraram que os doisvenenos, em doses subletais, causam intensa lesão muscular com oaumento da creatinoquinase (CK) sérica e alterações morfológicas nas fibras musculares causando ruptura dessas fibras, além da presençade mionecrose e aumento do influxo leucocitário.
Publicado
2021-08-31
Como Citar
1.
Beatriz Bernardez Amorim M, Roberto de Camargo Gonçalves L. Comparação da resposta inflamatória nas lesões musculares causadas pelos venenos das serpentes Bothrops jararacussu e Crotalus durissus terrificus. Bepa [Internet]. 31º de agosto de 2021 [citado 16º de outubro de 2021];18(212):83-6. Disponível em: https://periodicos.saude.sp.gov.br/index.php/BEPA182/article/view/37161
Seção
Resumo